Alimentação na Gravidez

Ao cuidar da sua saúde você vai estar cuidando, consequentemente, da saúde do seu filho. Tudo o que você consome vai ser transmitido ao seu bebê, por isso não coma nem beba nada que possa prejudicar o pequeno. Uma das coisas mais importantes que uma mãe deve fazer pelo seu filho é ter uma boa alimentação na gravidez.

Você deve fazer uma dieta equilibrada (aumentando a ingestão de legumes crus e frutas frescas e reduzindo os alimentos açucarados, salgados e de conserva) e tomar as vitaminas e suplementos minerais recomendados pelo seu médico.

Além de aumentar a quantidade de ferro e de ácido fólico ingeridos você também vai precisar de mais proteínas. Evite os ovos crus, as carnes de conserva, batatas fritas, frutos secos salgados, molho de soja e quantidades excessivas de mostarda e de molho de tomate.

Beba sucos puros da fruta, evitando aqueles de pacote que não são 100% da fruta. Álcool nem pensar! Mesmo sendo apenas um copo de vinho diariamente ou até algumas vezes por semana pode fazer mal ao seu bebé, por isso é melhor evitar o álcool completamente durante a gravidez.

Tudo que você beber vai direto para a corrente sanguínea do bebê através da placenta, e terá o dobro do efeito no sistema dele. Beber álcool excessivamente põe o feto em risco de sofrer da síndrome fetal alcoólica (SFA), que provoca atrasos no crescimento e na função mental, cabeça de tamanho reduzido e malformações faciais e cardíacas.

Os efeitos do álcool são diferentes para cada mulher e cada bebê, mas cerca de 40% dos bebês cujas mães beberam muito durante a gravidez são afetados pela SFA. Esta doença não tem cura e os bebês sofrerão com outros vários defeitos congênitos, físicos e mentais, relacionados com o álcool.

A cafeína é outra grande vilã! Estudos sugerem que a cafeína (presente no café, chá e chocolate quente) pode aumentar o risco de aborto. A maioria dos médicos recomenda que as futuras mamães evitem tomar mais do que uma a duas xícaras de bebidas com cafeína por dia e sugere que tente eliminar essas bebidas por completo.

As bebidas não alcoólicas, com elevado teor de açúcar e baixo teor de nutrientes essenciais, podem causar aumento de peso. Então beba água, suco de fruta e leite. Na maioria das vezes, os chás de ervas não farão mal para o seu bebé, mas por via das dúvidas fale antes com o seu médico.

Está grávida e não sabe qual a alimentação adequada a ter?

Evite os seguintes alimentos e bebidas:

  • Carne mal passada, [risco de toxoplasmose];
  • Marisco [salmonelas];
  • Café, chá, bebidas com gás e bebidas alcoólicas;
  • Queijo de leite não pasteurizado. Corre o risco de contrair brucelose.

O que deve fazer

  • Cozinhe bem os alimentos,
  • Se consumir alimentos crus devem lave muito bem;
  • Consuma muita água (Aproximadamente 1,5 L);
  • Beba muito leite, pois o seu bebê precisa de cálcio;
  • Evite gorduras de carnes;
  • E não consuma alimentos bastante condimentados

Alimentos recomendados durante a gravidez

  • Leite, iogurte, queijo e manteiga, (porque contém cálcio);
  • Carne, peixe, ovos (contém proteínas);
  • Ervilha, feijão, grão( forte em proteínas vegetais);
    Consuma fruta e vegetais em todas as suas refeições (Porque contém vitaminas e sais minerais);

Alimentação Pós Parto para Recuperar Peso

Perca peso de fora saudável após a sua gravidez seguindo os nossos truques

Após a gravidez todas as mulheres têm como principal objectivo a recuperação do peso anterior à gravidez da forma mais rápida possível, no entanto deve-se salientar que é muito importante que após a gravidez  deve perder peso de uma forma regrada, ou seja deve evitar perder peso de uma forma muito drástica, pois uma perda de peso rápida poderá por em causa a sua manutenção.

Depois do período de gravidez deverá ter em mente que entrou numa nova fase da sua vida, deste modo deve-se lembrar que terá de se adaptar a muitas coisas novas, pelo que não deve encarar a perda de peso como uma prioridade nesta fase inicial. No entanto existem algumas técnicas que lhe serão úteis de forma a conseguir alcançar o peso desejado de uma forma saudável.

Perca peso de fora saudável após a sua gravidez seguindo os nossos truques

Ora veja:

– Ingerir alimentos nutritivos com intervalos de 4 em 4 horas, fazendo deste modo 5 a 6 refeições diárias;

– Optar por alimentos magros e de baixo teor calórico, tenha sempre perto de si alimentos frescos como fruta e vegetais;

– Praticar exercício regularmente, lembre-se que se recuperar o peso anterior à sua gravidez o exercício físico será o seu melhor aliado, procura fazer uma actividade que se enquadre no seu dia-a-dia e que lhe proporcione prazer;

– Se no seu caso tiver de perder muito peso é fundamental que procure a ajuda de um nutricionista, pois só assim conseguirá alcançar os seus objectivos sem colocar em risco a sua saúde;

Estas são algumas das técnicas básicas que lhe serão muito uteis, pois só assim poderá alcançar o peso tão desejado, no entanto como fora anteriormente citado é fundamental que se lembre que terá de perder peso de uma forma saudável e equilibrada.

Preparada para ser mãe?

Você não sabe se estará pronta para ser mãe? Então siga as seguintes dicas

Ser mãe é uma grande fase da vida de todas as mulheres, pelo menos das que desejam ser mamãs. Se está no momento de decidir se quer ou não ser mãe então não deveria ler este artigo mas sim a pensar por si mesma. Porque apesar de por vezes os conselhos dos outros serem bons, não são os outros que vivem a sua vida, não são os outros que passam pelos seus problemas, nem são os outros que vão ter o filho.

Para ser mãe é necessário estar preparada física e psicologicamente, é necessário que tenha um bom suporte financeiro quando o seu filho chegue, porque as crianças gastam mais de metade do ordenado de uma pessoa, elas precisam de: fraldas, se alimentar,  roupa e calçado, e de uma outra série de produtos.
Você não sabe se estará pronta para ser mãe? Então siga as seguintes dicasSe acha que consegue dar isso tudo ao seu futuro rebento então está numa fase boa para o ter.

Como saber se estou preparada para ser mãe?

Antes de engravidar é  aconselhável que visite um médico e veja se está em condições de ter um filho, ou seja, se é saudável e se não tem nenhum problema que possa transmitir para o seu filho.

Depois de avaliar estas duas situações basta apenas pensar, e saiba que a decisão que tomar vai ser sempre a melhor para si. Lembre-se que uma criança vai ajudar a sua vida a ser mais feliz, vai ter sempre que fazer, e com quem se preocupar, e para além de que terá muito amor para dar e receber.

Se acha que não está preparada para este passo então não o faça apenas porque acha bem, porque uma criança é um ser vivo que merece carinho e amor, e se vai ter um filho e não lhe vai dar o que ele possa vir a precisar então não vale a pena perder tempo.

Exercícios que pode fazer durante a gravidez

Saiba que tipo de exercícios a praticar durante a sua gravidez

Com o passar do tempo o corpo das grávidas vai mudando e por vezes essas mudanças são um pouco incómodas, fazer exercícios para grávidas ajuda a aliviar as dores e desconfortos da gravidez.

Para  além  de  ajudar  a  aliviar  as  dores,  uma  grávida  que  pratique  exercício durante a gravidez terá menos dores durante o parto, e terá mais facilidade em ganhar a sua forma antiga de volta após o parto.
Saiba que tipo de exercícios a praticar durante a sua gravidez

Existem  diversos  exercícios  que  as  grávidas  podem  praticar

como caminhar,  fazer  alongamentos,  hidroginástica  e  pilates  entre  outros,  mas  cada  um destes exercícios não deve ser feita sem supervisão de alguém e não pode  ser feita sem normas, ou seja deve ter um horário e não o ultrapassar para que não se esforce demasiado.

Pilates é  um  dos  desportos  preferidos  das  grávidas,  e  mesmo  de  quem  não está  grávida,  e  trata-­se  de  um  exercício  que  alonga  e  fortalece  os  músculos  do abdómen,  dos  glúteos  e  parte  interior  da  coluna  vertebral.  Ao  realizar  este  tipo  de exercício as grávidas não têm  tantas  dores  quando  estão  no  parto,  pois  vão utilizar esta técnica para fazer o bebe sair mais facilmente através de contração do útero e da pressão abdominal.

Se está grávida, não  se esqueça  que  praticar  exercício não  lhe  faz  bem só a si como também ao seu bebé, pois vai nascer mais saudável.

Saber se estou grávida

Saiba quais os sintomas de uma gravida

Para aquelas mulheres que já foram mães é fácil saber se estão novamente grávidas ,  mas  para  aquelas  mulheres  que  nunca  foram ,  embora  muitas  mulheres digam  que  os  sintomas  são óbvios,  elas  não  são  capazes  de  os  identificar,  e  nem sabem que estão grávidas até que vão ao médico.
Saiba quais os sintomas de uma gravidaSegundo alguns médicos especializados nesta área as mulheres conseguem identificar que estão grávidas facilmente através de alguns pequenos sinais, como por exemplo a grande sensibilidade que apresentam nos seios, e ao facto de que as veias ficam mais  salientes nas mãos e nos pés.
Outro dos  sintomas é o  conhecido enjoo,quando  uma  mulher  está  enjoada  existem  pessoas  que  até brincam com  a  situação  e perguntam se está grávida.
Porém, nem todas as mulheres enjoem, e outras vezes o enjoo pode nem ter nada a ver com uma gravidez,  se achar  que anda enjoada  já durante vários dias então penso que deveria ver se está grávida consultando uma genecologista. Outro dos sintomas de uma gravidez é o atraso menstrual, pois o período na maioria dos casos não aparece durante os nove meses de gravidez, por isso se o seu período estiver atrasado durante muito tempo já sabe o que pode ser.
A falta e o excesso de sono é outra das razões para achar que está gravida,pois é  normal  as  grávidas  sentirem  sono  durante  o  dia  e  não  conseguirem dormir durante a noite. Se não quiser estar atenta aos sintomas então basta apenas fazer um teste degravidez e fica tudo resolvido,  se não  confiar  nos  testes  de  gravidez  consulte  o  seu médico

Ensinar o meu filho a ler – Dicas

Alguns truques e dicas para ensinar seu filho a ler

A leitura é o melhor hábito que uma pessoa pode ter, o ideal é começar esse hábito ainda criança, mas, para ler bem, a pessoa pode praticar em qualquer idade. Esse artigo vai dar algumas dicas para você ensinar seu filho na leitura para que depois mais tarde não tenha problemas nessa área tão importante da cultura. Toda a mulher que é mãe, deve estar atenta a isso, e ensinar seu filho a ler bem é das melhores coisas que uma mãe pode fazer.

Alguns truques e dicas para ensinar seu filho a ler

Em primeiro lugar, o importante não é só saber ler bem, mas, também interpretar o que está lendo. Segundo pesquisas feitas em todo o Brasil, muitos brasileiros sabem ler, mas, poucos sabem interpretar o que estão lendo, treine seu filho para isso mesmo.

Se quiser ensinar a ler de verdade, você precisa ser rigoroso, pois, deve reservar um tempo certo para a leitura. Tente ler um livro de cada vez, e vá sempre naqueles que sejam os preferidos dele, curta a história palavra por palavra, se quando estiver lendo aparecer uma palavra que você não sabe o significado, faça uma consulta ao dicionário.

Não esqueça que, quando uma pessoa lê muito, ela amplia seu vocabulário, aprende a falar melhor, e a escrever muito bem. O ideal é que, quando alguém for escolher um livro para ler, é melhor que combine com a idade dele, ou seja, se for criança, escolha um livro infantil, se for adolescente escolha um livro para adolescente, e assim sucessivamente.

Resumindo:

  • – Escolha livros com temas que ele goste
  • – Faça disso um sistema de todos os dias
  • – Ajude-o com palavras que ele desconhece
  • – Mostre-lhe o quão bom é aprender a ler bem